sexta-feira, 18 de agosto de 2017

RESENHA | Na Minha Pele, de Lázaro Ramos

Foto: Divulgação.

Na Minha Pele, de Lázaro Ramos, foi lançado em junho deste ano e rapidamente ganhou popularidade entre o público, seja pela temática que ferve nos dias atuais ou até pelo reconhecimento que o artista tem pelo Brasil. 

Lázaro inicia o livro falando que não se trata de uma biografia e, apesar de sua trajetória estar muito presente na obra, ele menciona para ilustrar suas vivências e descobertas. O livro traz com intensidade a questão religiosa e o sentimento de respeito e admiração pela ancestralidade. O autor traz em diversos trechos um pouco de sua vida na Bahia, falando sobre o início de sua consciência racial, suas experiências com o Bando de Teatro Olodum e como isso foi importante para a sua formação como ator e ser humano que sente e vive na pele o que é ser negro no Brasil. As passagens de sua infância na ilha do Paty e adolescência em Salvador, no bairro da Federação, mostram o processo de construção de identidade de Lázaro Ramos, com fortes influências do Bando de Teatro Olodum e até mesmo do Carnaval de Salvador, que trazia grandes músicas sobre o povo negro. 

Além disso, o autor toca bastante na temática da afetividade, ele fala da solidão da mulher negra sob o seu ponto de vista e também em como ele sempre tenta trazer referências negras para a criação de seus filhos. É o momento em que ele deixa mais claro o quanto a representatividade é importante e o quanto ele sentiu falta disso até entrar no Bando

Citando a Geração Tombamento e artistas como Karol Conka, Rico Dalasam e Tássia Reis e até a autora feminista Chimamanda Ngozi Adichie, Lázaro deixa claro que acredita na transformação dessa juventude que está trazendo cada vez mais representatividade e consciência social para os jovens negros. 

Na Minha Pele é uma obra que une reflexões e vivências de alguém que hoje alcançou um grande sucesso e um elevado nível socioeconômico, mas também deixa claro que ele é uma exceção. Lázaro Ramos passeia entre o seu passado e relata vivências que até os dias de hoje existem na vida de uma pessoa negra. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sobre o blog


Conteúdo sobre questões raciais e de gênero de forma acessível e cor-de-rosa. O blog aborda assuntos como moda e estética negra como forma de expressão, além de questões ligadas ao movimento negro e feminista na contemporaneidade.

Newsletter