Entrevista com Wendel Vanguarda sobre o single 180



Lançada recentemente pelo rapper Wendel Vanguarda, a música "180" toca na temática da violência contra a mulher. Vale um adendo, para quem não sabe, 180 é o numero para denunciar anonimamente casos de violência doméstica e abuso contra a mulher.

No mês em que casos de feminicídio vieram a tona e aterrorizaram o país, se faz mais que necessário falar desse assunto. Mais necessário ainda que um jovem como ele aposte num tema tão delicado no começo de  sua carreira. Nota-se que nosso país tem quem se importe com esse assunto e dê voz a vítimas que muitas vezes sofrem caladas.


O vídeo conta ainda com coreografia de Eloy Rodrigues executada pela dançarina Laniedja e traz ainda Lucinalva Santos, mãe do rapper como atriz em algumas cenas. Aliás, a mãe do rapper, que como milhares de mulheres ao redor do país também sofreu com relacionamento abusivo e violência doméstica.


Confira a entrevista com o rapper:

O que te levou a tocar nesse tema?

O que me motivou a escrever essa música, foi quando minha mãe sofreu ameaças e eu liguei para polícia e eles disseram que não poderiam fazer nada já que não houve agressões e o homem não estava armado. Daí entendi o porquê das mulheres não denunciarem e os casos de violência irem ao extremo. Muitas se sentem sozinhas. Então percebi que esse assunto tinha que ser uma das pautas do rap, até pelo fato de vários casos que acontecem de Mc's que agridem suas companheiras.


Como foi o clima da gravações do clipe?

As gravações não foram agradáveis, minha mãe foi uma das atrizes e me fez imaginar momentos que ela já passou, mas com o ar de que estava fazendo o certo ao concientizar pessoas a fazer uma denuncia que pode salvar vidas. Tanto na gravação do clipe ou da música estavam mulheres presentes que já sofreram algum tipo de violência e percebi como grande era a necessidade de estar fazendo essa música.



O trabalho com Verso Insano vai dar uma pausa ou seguir paralelamente?

A primeira música que lancei foi solo intitulada "Do Mic pra cá", diferente da musica "180.", Pedro Cruz meu irmão de trabalho não estava comigo no processo mas me deu todo o apoio. Verso Insano continua produzindo normalmente, e a próxima música vai vim pesada com produção de Kvmvni records e Mandacaru.. ideias ácidas e diferentes do que vocês estão acostumados a ouvir.. Vanguarda!



*Se você sofre ou presencia abuso psicologico ou violência doméstica, denuncie. Disque 180.

0 comentários: